Franquia Giraffas | Entrevista com Eduardo Guerra

Tempo de leitura: 5 minutos

Franquia Giraffas: Conheça melhor essa oportunidade no segmento de alimentação

A décima sétima entrevista da série foi sobre a franquia Giraffas, com o Eduardo Guerra, Diretor de Expansão da rede. A franquia, especializada na venda de refeições fast food, especialmente comida típica brasileira, agora conta com um novo formato e tem expectativa de finalizar 2016 com 40 novas lojas.

A entrevista foi gravada diretamente do stand da franquia Giraffas durante a ABF Franchising Expo 2016, que aconteceu em São Paulo do dia 15 ao 18 de junho. Assista abaixo para conhecer melhor essa oportunidade de franquia, que trouxe novidades para essa edição!

Clique aqui para ser notificado em primeira mão sobre as próximas entrevistas e conteúdos do Blog!

Sobre a Franquia Giraffas

A Giraffas foi fundada em Brasília, no Distrito Federal, em agosto de 1981, hoje é uma rede multinacional brasileira de restaurantes, que oferece a verdadeira comida brasileira, caseira, saborosa e criativa.

Em 1991, adotou o sistema de franquias, tornando possível a expansão e instalação de restaurantes em 26 estados do Brasil. Em 2011, inaugurou seu primeiro restaurante internacional, nos Estados Unidos, na cidade de Miami, hoje já são 10 unidades na Flórida.

Há mais de 10 anos criou o GiraPrato, uma alimentação balanceada, saborosa e elaborada sob medida para as crianças. Seu principal foco é a diversificação dos produtos, o cardápio do Giraffas conta com mais de 30 opções de refeições e 9 sanduíches diferentes, além de sobremesas e bebidas. A rede emprega mais de 9 mil pessoas no Brasil e EUA e possui mais de 430 restaurantes. A rede é detentora do Selo de Excelência ABF Franchising há 12 anos e há 9 anos recebe a indicação ao Prêmio Top of Mind.

Diante do atual momento econômico do Brasil, a rede conseguiu reduzir os custos de implantação de uma nova franquia com um novo projeto, que poderá ser implantado em qualquer cidade a partir de 60 mil habitantes.

“Precisamos nos adequar diante do cenário econômico a fim de atender da melhor forma os interessados em abrir uma franquia da marca. Para buscar maior eficiência, fizemos uma revisão de nossos processos de implantação e operações. Isso permitiu que reduzíssemos e muito os custos na abertura de restaurantes. A nova estratégia é uma remodelagem do modelo Shopping que utilizamos, mas com um investimento a partir de R$650 mil, ou seja, 100 mil a menos do que trabalhávamos até então.”, explica Eduardo Guerra, Diretor de Expansão do Grupo Giraffas.

franquia giraffas eduardo guerra e jose-loibman abra uma franquia
Foto tirada dentro do stand da franquia Giraffas na 25ª ABF Expo

O Grupo Giraffas também aproveitou o momento atual de crise econômica para marcar sua presença em aeroportos e rodoviárias, núcleos de enorme fluxo de pessoas, e assim aumentar o nível de interação e conexão emocional com os consumidores. Somente neste ano, estão previstas inaugurações em três aeroportos e uma rodovíária: Viracopos, Galeão, Congonhas e Tietê.

O modelo de negócio implantado é igual ao modelo de Shopping. Em alguns casos, a marca aumenta a linha de produção para dar vazão à alta demanda que existe nesses núcleos. O valor de investimento inicial do modelo para aeroportos e rodoviárias é a partir de R$ 700 mil, R$ 50 mil a mais que o modelo Shopping, entretanto, o investimento compensa, pois a média de faturamento é aproximadamente duas vezes maior em relação às lojas de shopping, e os clientes desembolsam 40% a mais em cada compra.

A marca tem tido desempenho acima da média: até o momento 20 contratos foram fechados em todo o Brasil e a expectativa é finalizar 2016 com 40 novas lojas. O investimento total dessas novas unidades gira em torno de R$30 milhões, com a geração de mais de 1000 empregos.

Para os interessados em ter uma franquia Giraffas, as opções são restaurantes de rua (formato Fast Casual), restaurantes em shoppings (no formato convencional ou cidades com mais de 60 mil habitantes) ou quiosques de sobremesa.

Investimentos da franquia Giraffas:

Modelo Fast Casual

Investimento inicial:  A partir de R$ 900 mil (taxa inicial de franquia não inclusa).
Taxa Inicial de Franquia: R$ 60 mil.
Capital de Giro: R$ 50 mil a R$ 100 mil.
Royalties mensais: 5% sobre o faturamento bruto mensal.
Fundo de propaganda: 3% sobre o faturamento bruto mensal.
Previsão de faturamento bruto mensal: R$ 250 mil.
Previsão de retorno do investimento: A partir de 36 meses.
Área mínima: a partir de 200m²

Modelo Shopping

Investimento inicial:  A partir de R$ 650 mil (taxa inicial de franquia não inclusa).
Taxa Inicial de Franquia: R$ 60 mil.
Capital de Giro: R$ 50 mil a R$ 100 mil.
Royalties mensais: 5% sobre o faturamento bruto mensal.
Fundo de propaganda: 3% sobre o faturamento bruto mensal.
Previsão de faturamento bruto mensal: R$ 170 mil.
Previsão de retorno do investimento: A partir de 36 meses.
Área mínima: a partir de 50m²

Modelo Quiosque de Sobremesa

Investimento inicial:  A partir de R$ 140 mil (taxa inicial de franquia não inclusa).
Taxa Inicial de Franquia: R$ 20 mil.
Royalties mensais: 5% sobre o faturamento bruto mensal.
Fundo de propaganda: 3% sobre o faturamento bruto mensal.
Área mínima: a partir de 6m²

Para mais informações sobre a franquia Giraffas acesse o site: www.giraffas.com.br

Gostou da entrevista com o Eduardo Guerra? Deixe seu comentário aqui em baixo! Seu feedback é muito importante para mim.

E se o conteúdo ajudou você de alguma forma, compartilhe com os seus amigos! Assim conseguimos atingir um número maior de pessoas!

Quer abrir uma franquia mas não sabe por onde começar? Dê o primeiro passo agora! Baixe o meu e-book gratuito “Franquia Perfeita – Encontre a Oportunidade Certa em 7 Passos”, clique aqui para baixar agora.

Comentários

comentários

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.